Como Decorar Sua Casa Com Almofadas Personalizadas? - Lartex

Aprenda a usar almofadas personalizadas na decoração da sua casa

Renovar a decoração dos ambientes da sua casa gastando pouco. É tentadora a oferta, não é mesmo? Mas, também é possível. Não é preciso gastar uma fortuna para mudar os ares do lar de tempos em tempos. O segredo está em investir nos itens certos.

As almofadas fazem parte desse grupo de objetos que transformam praticamente todos os espaços e as personalizadas, por sua vez, caíram nas graças de quem ama decoração por serem uma forma de marcar com exclusividade a identidade de quem mora ali, seja na sala, no quarto ou nos ambientes externos.

Para ajudar você a fazer as melhores escolhas, reunimos neste artigo várias dicas de como usar almofadas personalizadas na decoração da sua casa. Vamos começar?

Vale apostar em almofadas para todos os ambientes?

As almofadas são itens versáteis, que vão bem tanto em ambientes internos quanto externos. Na sala, são capazes de dar vida ao mais monótono dos sofás e acrescentar personalidade ao ambiente. No quarto, criam aquela atmosfera aconchegante e acolhedora.

Elas ainda podem estar presentes em poltronas nos espaços de leitura e escritórios. Além disso, são boas opções para enriquecer ambientes externos, como varandas e áreas gourmet. Nesse caso, a impermeabilização é uma grande aliada.

Ou seja: não há motivos para ter medo das almofadas. Todo cantinho fica ainda mais encantador com o toque que elas proporcionam. Quanto mais você usar sua essência para fazer escolhas e criar combinações personalizadas, melhor.

Como usar as cores?

A decoração de qualquer ambiente deve representar a identidade de quem ocupa aquele espaço. E as cores são ótimos recursos para personalização, já que sempre há uma paleta preferida dos moradores. Com negociação, dá para agradar a todos!

Além disso, as cores têm poder de causar diferentes sensações. Enquanto tons terrosos, como bege, mostarda, verde escuro e vinho passam uma mensagem de conforto e receptividade, os vibrantes magenta, laranja e amarelo já passam a ideia de modernidade e criatividade.

Assim, almofadas coloridas em um cômodo de base neutra permitem mudar a atmosfera do ambiente com frequência. Ao coordenar cores nas almofadas, você pode criar harmonia combinando diferentes tons de uma mesma cor (variações de azul, por exemplo), mesclar aquelas da mesma família, criar pontos de contraste (preto e branco) ou pontos de cor (como cinza e amarelo).

Procure coordenar as cores das almofadas com aquelas presentes em outros itens da decoração do ambiente, como tapetes, cortinas e quadros. Usar muitas cores pode deixar o resultado um pouco “carregado”. Lembre-se que você ainda pode contar com outros recursos, como motivos e texturas.

É possível misturar desenhos e motivos?

As almofadas personalizadas com motivos/desenhos deixam qualquer ambiente com ar de exclusividade. É um recurso que pode ser produzido e customizado a partir da personalidade dos moradores e vai garantir uma decoração marcante.

É possível encomendar padrões específicos ou mesmo utilizar almofadas com fotos de autoria própria, ilustrações, colagens. Que tal ter como referência personagens dos filmes que você gosta, frases ou trechos de música que dizem muito sobre você? É só usar a criatividade e buscar temas que estejam em sintonia com seu estilo de vida e história.

Vale fazer um mix & match para um resultado bem moderno e cheio de estilo. Há uma infinidade de opções (geométricas, abstratas, florais) para fazer um jogo sob medida.

O ideal, nesse caso, é usar de 2 a 3 cores que possam ser encontradas em todos (ou quase todos) os padrões, utilizando ainda almofadas de cores sólidas, no tom predominante, para complementar a composição sem pesar.

Quer um exemplo? Um almofada personalizada com uma foto da sua última viagem em preto e branco pode ser vizinha de outras com estampas diversas, desde que nas mesmas cores (listras com bolinhas, florais com padrões abstratos) e outras  peças em preto e branco sólido. Fácil, não?

Almofadas personalizadas de formatos diferentes são bem-vindas?

As almofadas personalizadas também podem ousar nos formatos para criar ambientes únicos. Vale mesclar quadradas e redondas, mas você também pode sair do óbvio e apostar em outras formas a partir do estilo do ambiente e finalidade do cômodo.

Há peças em formato de estrela, lua, coração, gatinhos e uma infinidade de outras (até mesmo emojis, símbolos usados em mensagens eletrônicas) que agradam quem gosta de uma decoração mais divertida e menos convencional. Essas opções também são boas para quartos infantis.

Atenção, porém, ao tamanho das peças. Em um sofá pequeno e de linhas minimalistas, almofadas muito grandes ficam desproporcionais. É preciso equilíbrio.

Variar texturas não é exagero?

Outro recurso para personalizar almofadas é abusar das texturas, o que você consegue escolhendo diferentes materiais e tecidos. Há almofadas com detalhes em crochê, como mandalas, com aplicações, com franjas na barra, mais ou menos felpudas.

Há também materiais texturizados, como o jacquard, que conferem um relevo elegante às peças. Para criar harmonia, convém economizar um pouco mais nas cores para variar nas texturas, bem como nos desenhos.

Além disso, vale observar o estilo para não exagerar. Se a textura de uma almofada é criada por uma fibra natural e um trabalho mais artesanal, como o linho, mantenha a coerência escolhendo outros materiais também rústicos, como algodão.

Também considere o ambiente: pelúcias são excelentes para quartos, mas não vão funcionar bem em ambientes externos, acumulando muita sujeira.

Qual a quantidade ideal para não pesar visualmente?

Não há uma quantidade determinada de antemão, mas sabe-se que um jogo de almofadas fica mais harmonioso quando apresenta números ímpares (3 almofadas em um sofá pequeno, 5 em um grande, por exemplo).

Na cama de casal, elas podem criar uma nova camada visual além dos travesseiros. Dependendo do tamanho, há composições com números altos, como 7 peças. Se essa for a escolha, é melhor ter mais cautela na seleção das cores, texturas e estampas para não deixar o quarto com excesso de informações.

Vale a regra do bom senso: almofadas demais em espaços pequenos roubam a cena, poucas em espaços e superfícies enormes não vão ter destaque. Mas, lembre-se: as suas preferências e estilo devem ser respeitados sempre. Se você gosta de um ambiente chamativo, não precisa forçá-lo à descrição.

Quanto mais você personalizar o seu espaço, mais confortável vai se sentir nele e mais verdade vai passar para quem for fazer uma visita. Afinal, sua decoração precisa refletir quem você é, usando itens personalizados e composições singulares para isso.

E então, gostou das nossas dicas sobre como decorar seu lar com almofadas personalizadas? Que tal entrar em contato com a gente para saber quais são as opções que mais combinam com você?

Para saber mais sobre como decorar sua casa e ter acesso a conteúdos exclusivos, curta nossa página no Facebook!

Cadastre-se para receber as nossas novidades

Deixe um comentário

Share This